Como motivar a sua equipe em tempos de crise | Empresa Junior Mackenzie Consultoria

Como motivar a sua equipe em tempos de crise



O ano de 2020 com certeza veio com o intuito de revolucionar o mundo corporativo. Em uma realidade em que o home office e o remoto vinham engatinhando para conseguir espaço na vida profissional dos colaboradores, a COVID-19 acabou acelerando esse processo e mostrando que é possível trabalhar a distância, sem a necessidade de um espaço físico para encontro.

Entretanto, muitas empresas, especialmente as de menor porte, que vinham nesses últimos anos procurando transformar seu RH burocrático e pragmático em uma gestão de pessoas que cuida do desenvolvimento e motivação de seus associados, vêm sofrendo muito em como manter e aperfeiçoar uma área que era ainda nova presencialmente, e agora precisa ser inovada e realizada a distância.

Por isso, a EJMC (Empresa Júnior Mackenzie Consultoria) trouxe algumas dicas importantes para que você consiga manter sua equipe por perto, motivada e engajada, independentemente da distância e de outros conflitos pessoais que seus colaboradores possam estar passando nesse momento frágil e incerto. Confira algumas delas:

1. Invista em cursos e treinamento


Nada melhor do que em um momento no qual todas as relações estão à base da tecnologia, do que investir em cursos para os profissionais da sua empresa. Mostrar que você se importa com o desenvolvimento e estudo deles com certeza os deixarão mais motivados para continuar lutando por resultados dentro da sua empresa.

Aproveite a diversidade de plataformas que estão com promoções nessa quarentena e permita que as pessoas da sua companhia se aperfeiçoem naquilo que possuem mais dificuldade. Nesses casos, vale até juntar equipes que procuram fazer cursos da mesma área, para que além de realizá-los em conjunto, possam discutir depois.

2. Dê espaço para a autonomia dos associados


Em um momento como esse, em que não existe o contato direto com um superior ou com uma equipe para decidir estratégias, dê autonomia para que seus colaboradores utilizem da criatividade e inovação para fazerem suas tarefas e gerarem novas ideias. Estimular o novo em meio a essa crise é de extrema importância para que o profissional se sinta conectado com a empresa, e, mais ainda, que a empresa se reconstrua.

3. Mantenha o contato ativo


O ser humano respira interação, por isso não deixe o isolamento virar rotina tendo algo tão imponente como a tecnologia que pode nos manter “perto”. Estimule calls diárias entre os associados para que se vejam via tela de notebook e smartphone, para que troquem ideias, opiniões e deem espaço para que todos se sintam parte das decisões tomadas e a par do que está acontecendo na organização.

Vídeos, diferentemente de áudios e mensagens, tendem a humanizar as relações. Esse é um ótimo momento para trabalhar a transparência e a confiança entre todos, afetando diretamente na motivação. Plataformas como Zoom, Skype, Discord, Google Hagouts e Microsoft teams são meios de manter essa sinergia.

4. Sustente a cultura de feedback


Não deixar que algo tão significativo quanto o feedback se perca é primordial. Em um período em que há tanto contraste psicológico, é importante que todos os colaboradores estimulem o feedback entre si, buscando motivar uns aos outros. Dessa forma, procure sempre mostrar o quanto valoriza os seus colaboradores. Se a sua organização ainda não possui uma forte cultura de feedback, esse é um ótimo momento para começar a implementá-la.

5. Estimule a participação em lives


Em um momento em que há tantos profissionais compartilhando conhecimento e experiências de modo gratuito, é muito enriquecedor que divulguem entre si lives que seriam de relevância aos colegas da empresa. É interessante até que marquem de assistir a uma mesma live, e que discutam depois em uma vídeo conferência pontos marcantes, com o intuito de gerar insights para a organização.

6. Aprimore processos internos


Se sua empresa não anda tão bem com a venda de produtos ou serviços, aproveite o momento para realizar projetos internos com os associados. Convide seus colaboradores a se separarem em equipes para estudarem processos de suas preferências que acreditam que precisam ser otimizados. Nessa hora é interessante até que escolham processos de outras áreas, já que muitas vezes uma visão de alguém que não utiliza aquela ferramenta todos os dias pode ser mais clara do que a de alguém que está habituado com o procedimento. Essa é uma ótima ocasião para aperfeiçoar aqueles processos que já ocorriam na sua empresa, mas que a maioria dos associados não acreditava ser 100% eficazes.

É muito importante também que você mostre aos profissionais da sua empresa que esses projetos serão colocados em prática quando a pandemia acabar, caso ao contrário, podem se sentir desmotivados em estar exercitando algo que não será utilizado.

7. Reconheça constantemente as ações dos associados


Em uma época em que está tão difícil acompanhar de perto o que seus profissionais estão fazendo, procure sempre reconhecer para todos uma determinada atitude de dedicação, inovação ou profissionalismo que seus companheiros de trabalho tenham realizado. Em uma fase em que os ânimos já estão tão esgotados, reconhecer seu colaborador, por mais simples que tenha sido sua ação, com certeza o dará mais motivação para buscar os resultados.

8. Realize momentos de descontração


Acima de tudo, essa tem sido uma fase muito complicada para quase todos os colaboradores da sua empresa, que precisam lidar com problemas familiares, profissionais, de saúde e financeiros, tudo ao mesmo tempo e no mesmo local. Aproveite para criar um momento de informalidade e serenidade entre todos. É possível marcar conversas em grupos para dialogarem sobre outro assunto que não envolva trabalho ou até mesmo tentar trazer aqueles Happy Hours que ocorriam pós trabalho, por meio de vídeo conferências.

9. Compartilhe novidades


Com tantas aulas/lives de músicas, culinária, yoga, atividades físicas ocorrendo, compartilhe tudo que ajude a melhorar o proveito da quarentena dos seus colegas de trabalho. Tenha um grupo, podendo ser no WhatsApp, em que dividam experiências, como dicas de leitura, séries, receitas, e, até mesmo, convidem e desafiem uns aos outros a praticarem algumas das sugestões. Afinal, realizar atividades com outras pessoas traz não só interação, como motivação.

Por fim, aprenda com essa pandemia a moldar uma cultura forte de motivação e colaboração, em que seja estimulada além do crescimento profissional, com muitos cursos e estudo, um crescimento pessoal, que demonstre preocupação com a família, saúde e gostos individuais. Uma cultura que deve ser mantida mesmo após a pandemia, que determine como essencial os feedbacks, os reconhecimentos, a autonomia e inovação, e os momentos de descontração. Porque se existe algo que a COVID-19 vai poder nos ensinar é que há a possibilidade de cuidar das pessoas, não importa o lugar que estejamos.

Quer saber outros meios que a EJMC pode te ajudar a alavancar seu negócio? Entre em contato conosco e descubra a solução ideal para sua empresa!

Encontre a solução para o seu negócio